segunda-feira, 16 de abril de 2012

Folar Transmontano

Estive uma semana para publicar esta receita porque não tinha ainda tirado uma foto ao folar, não tirei inteiro porque me esqueci, depois deixei para tirar a uma fatia para se ver o interior e conclusão comemos o folar todo e não tirei nenhuma fotografia e tive que copiar esta foto que já  tinha publicado anteriormente.
Esta receita dividi em dois, fiz dois folares separadamente porque tive medo que a massa não coubesse na máquina e assim ofereci o outro aos meus pais.
Foi a primeira vez que fiz este tipo de folar, já tinha feito outras versões, e gostei muito do resultado, ficou uma massa muito fofa e leve, mesmo ao meu gosto.
 
Ingredientes:
1Kg- de farinha normal
12- ovos
250g- de manteiga
1- saqueta de fermento de padeiro (se dividir a receita e fizer também 2 folares verifique nas instruções da marca do fermento as quantidades para as quantidades da farinha)  
4- colheres de sopa de azeite
- 1 pitada de sal
- toucinho q.b.
- presunto q.b.
1- chouriça de carne
1- salpicão
- manteiga para untar a forma

Preparação (máquina do pão):
Derrete-se a manteiga e reserva-se.
Num recipiente, batem-se os ovos, adiciona-se a manteiga, o azeite, o sal e mistura-se bem.
Deita-se esta mistura na cuba da máquina, junta-se a farinha e o fermento e programa-se a máquina para amassar.
Quando o ciclo acabar retira-se a massa, coloca-se num recipiente tapa-se e deixa-se levedar num local quente até duplicar de volume, cerca de uma hora.
Entretanto, partem-se as carnes e reservam-se.
Depois da massa estar levedada, unta-se uma forma (redonda e sem buraco no meio) com  manteiga, divide-se a massa em duas partes, reveste-se o fundo da forma com uma das partes da massa cobre-se com as carnes que se espalham uniformemente, e tapa-se com a outra parte da massa.
Deixa-se levedar mais uma hora.
Pré aquece-se o forno a 180º g e leva-se o folar a cozer até estar dourado (cerca de 45m a 1h).
Para se verificar se o folar está cozido, faz-se o teste do palito, espeta-se no centro e se sair seco está cozido.

(manualmente)
Coloca-se a farinha misturada com o fermento num recipiente, abre-se um buraco no meio junta-se a manteiga derretida e o azeite e amassa-se.
De seguida, juntam-se os ovos um a um e vai-se batendo bem até a massa até se desprender das mãos.
Os passos seguintes, são os mesmos acima descritos a partir da parte de se retirar a massa da máquina.
  

8 comentários:

  1. Ficou lindo edecerto muito apetitoso Sandra, obrigada por partilhares!!

    ResponderEliminar
  2. Ficou lindo esse folar e com certeza delicioso...beijkas

    ResponderEliminar
  3. Lindo e bem altinho esse folar, adorei!

    Bjs

    ResponderEliminar
  4. Essas receitas de folar são mesmo para bolos enormes. Minha sogra tb faz cada um gigantesco !!!! O seu devia mesmo estar ótimo já que não sobrou nem uma fatia para contar a história, ou melhor, para tirar uma foto... rsrsrsr... Um abraço e bom resto de semana !

    ResponderEliminar
  5. Ficou com um aspecto bem apetitoso.

    Bjs**

    ResponderEliminar
  6. os meus pais são de bragança e já a muito tempo que eles andavam a procura da receita e finalmente encontraram. OBRIGADO.... E JA AGORA FICOU MARAVILHOSO POIS A MINHA MAE QUIS ESPREMENTAR AGORA VAI FAZELO NO DOMINGO DE PASCOA....

    ResponderEliminar
  7. TEM UM OTIMO ASPETO.BJS

    ResponderEliminar