sexta-feira, 30 de dezembro de 2011

Feliz Ano Novo

(imagem da net)

Que o ano que se segue renove em todos vós a Esperança, a Saúde, a Prosperidade, a Felicidade e o Amor.
Feliz Ano Novo

quinta-feira, 29 de dezembro de 2011

Filhoses na máquina de fazer pão

Esta receita é uma "mistura" de várias receitas que pesquisei.
A massa ficou boa, mas na minha opinião os sabores da aguardente e da laranja ficaram muito acentuados, para a próxima não vou juntar a aguardente.

Ingredientes: 
500g- de farinha de trigo 
1- laranja (raspa e sumo) 
1- cálice de aguardente  
4- ovos 
1dl- de leite morno 
125g- de manteiga derretida
4- colheres de sopa de açúcar 
1- colher de chá de sal 
1- saqueta de fermento de padeiro em pó 
-Óleo q.b. 
-Açúcar e canela q.b.

Preparação:

Colocam-se os ingredientes na cuba da máquina de fazer pão, primeiro os líquidos e depois os sólidos
.  
O leite morno, o sumo da laranja, a aguardente, a manteiga derretida, os ovos batidos, a raspa da laranja.
De seguida, o sal e o açúcar, a farinha e o fermento
 Coloca-se a cuba na máquina e selecciona-se o programa "Massa" que demora 1h30 (se a massa crescer muito retira-se antes de acabar o programa e seguem-se os passos seguintes).
Retira-se a massa e deixa-se levedar, num local quente, até duplicar de volume.  
Leva-se o óleo numa frigideira a aquecer
Entretanto, unta-se com óleo o sitio onde se vai esticar a massa, untam-se também as mãos com o óleo, retiram-se pequenos pedaços de massa e esticam-se com os dedos e fritam-se as filhoses até ficarem douradas. 
Colocam-se em papel absorvente e depois envolvem-se numa mistura de açúcar e canela.

terça-feira, 27 de dezembro de 2011

Rabanadas


Cheio de sabores e aromas tradicionais o meu Natal foi comemorado com a família mais próxima.
Nestes próximos dias serão publicadas as receitas com que eu contribui para esta Quadra.
A receita de hoje é a minha versão das Rabanadas.


 Ingredientes:
- meio litro de leite 
8- fatias de pão de forma (sem ser do embalado e comprado de véspera)
2- colheres de sopa de açúcar
4- ovos
1- colher de chá de aroma de baunilha  
- Óleo para fritar 
- açúcar e canela misturados q.b.

Preparação:
Ferve-se o leite com o açúcar e deixa-se arrefecer um pouco. Batem-se os ovos e a baunilha com a ajuda de um garfo.
Leva-se o óleo aquecer, entretanto,  passam-se as fatias de pão pelo leite e depois pela mistura dos ovos. 
Fritam-se as fatias dos dois lados, escorrem-se sobre papel absorvente e passam-se pela mistura de açúcar e canela.

segunda-feira, 19 de dezembro de 2011

Bacalhau à Zé do Pipo

Depois de um pequeno período sem postagens hoje deixo a minha versão deste prato típico do nosso belo País.

Ingredientes:
1- posta de bacalhau por pessoa (ou mais)
 - farinha para passar o bacalhau
1 kg- de batatas
2- colheres de sopa bem cheias de manteiga 
- leite qb para fazer o puré (não tenho a medida do leite, vou acrescentando até o puré ficar ao meu gosto)
2dl- de azeite
1- cebola
1/4- de pimento vermelho
1- folha de louro
- maionese a gosto
- piripiri a gosto
1- colher de sopa de vinagre
- água e sal  q.b.

Ingredientes:
Com antecedência colocam-se as postas de bacalhau de molho para tirar o sal, (eu uso bacalhau congelado demolhado não faço este processo)
Cozem-se as batatas, em água temperada com sal. 
Enquanto as batatas cozem, passa-se o bacalhau pela farinha e frita-se no azeite, mas não se deixa passar muito para não ficar seco, e reserva-se.
Na gordura que ficou de fritar o bacalhau, refoga-se a cebola cortada às rodelas, tempera-se com uma pitada muito pequena de sal. De seguida, acrescenta-se o louro, o piripiri e o pimento cortado a gosto, deita-se o vinagre e deixa-se acabar de cozinhar.
Depois das batatas estarem cozidas, passam-se pelo passe-vite e levam-se novamente ao lume. Adiciona-se a manteiga  e mexe-se. Junta-se, aos poucos, o leite até obter a consistência desejada e rectificam-se os temperos.
Dispõe-se, num pirex de ir ao forno, o bacalhau, verte-se a cebolada por cima do bacalhau e cobre-se com a maionese.
Contorna-se o bacalhau com o puré e leva-se ao forno a gratinar. 
Serve-se de seguida acompanhado com uma salada.