quarta-feira, 7 de outubro de 2009

Já há muito tempo que me sinto assim: e preciso de :


Dá para acreditar que ainda não tive férias. É verdade, a quantidade de trabalho ainda não me permitiu esta regalia e para ajudar este ano as férias do meu marido calharam em Novembro.
Eu espero.

Sem comentários:

Enviar um comentário