quinta-feira, 3 de dezembro de 2009

Polvo assado




Nestas noites de tanto frio uma comida reconfortante é muito bem vinda. Começa-se a refeição com uma sopa bem quentinha, que no meu caso foi caldo verde, e segue-se para um polvinho assado no forno com umas batatinhas assadas e um grelos salteados e acaba-se a refeição da melhor maneira com uma fruta da época, um dióspiro com bastante canela.
No fim ficamos quase a arrebentar, arrumo a cozinha e vamos para o sofá a ver televisão e quando damos por ela já dormimos o primeiro sono e de madrugada lá vamos nós para a cama pelo corredor fora quase a bater nas paredes com a pedrada de sono.
E isto foi a noite de ontém.

Preparação:
Coze-se o polvo (eu ponho água a ferver e pego numa das pontas do polvo e mergulho-o na água 3 vezes, e só depois deste ritual é que o ponho dentro da panela) quando estiver macio tempera-se com um pouco de sal deixa-se cozer mais um pouco e apaga-se o lume.
Enquanto o polvo coze dá-se uma cozedura ás batatas e cortam-se ás rodelas grossas com a casca e põe-se a assar naqueles grelhadores do fogão tipo frigideiras até ficarem com as marcas do grelhador.
Corta-se o polvo coloca-se no centro duma assadeira em volta põem-se as batatas que ainda não estão muito assadas e rega-se com uma mistura de azeite, pimenta, alho em pó, salsa picada e um pouco de vinho do porto e leva-se ao forno a tostar.
Cozem-se o grelos e colocam-se numa frigideira com azeite e alho e deixam-se tomar gosto.
Quando o polvo estiver tostado serve-se acompanhado dos grelos.

  Este é o tipo de grelhador onde pus as batatas, esta imagem foi tirada da net.
 

2 comentários:

  1. Que receita tão apetitosa... nunca experimentei colocar vinho do porto no polvo!

    ResponderEliminar
  2. Também tens um neco muito interessante, olha lá as noites a sós.
    :))))))))))

    ResponderEliminar